Conferência sobre paz no Oriente Médio acontecerá nos EUA

Uma conferência pela paz no Oriente Médio, proposta pela Casa Branca para o final do ano, deverá ser realizada nos Estados Unidos, porém os participantes ainda serão definidos, afirmou o Departamento de Estado norte-americano na terça-feira. O presidente dos EUA, George W. Bush, anunciou a conferência na segunda-feira, sem especificar o local onde será realizada. A secretária de Estado, Condoleezza Rice, presidirá o encontro, que deve reunir líderes israelenses e palestinos, assim como muitos vizinhos árabes. "A secretária Rice presidirá (a conferência) aqui nos Estados Unidos, mas não decidimos exatamente onde", disse o porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Sean McCormack. Ainda não estava certo quais países árabes participarão do evento, porém McCormack afirmou que houve uma "resposta em geral positiva", com exceção da Síria e do grupo islâmico Hamas, que assumiu o controle de Gaza há um mês. Após anunciar o encontro, Bush pediu aos líderes da Jordânia, Arábia Saudita e Egito para continuarem a oferecer apoio ao presidente palestino, Mahmoud Abbas. "Temos algum trabalho diplomático a fazer", respondeu McCormack, após ser questionado sobre quais países árabes confirmaram a presença. Rice viaja para a região no fim de julho, acompanhada pelo secretário de Defesa, Robert Gates. Ambos pretendem angariar apoio para a estabilização do Iraque e para ressuscitar o processo de paz entre israelenses e palestinos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.