Confrontos deixam 4 mortos em Tripoli, no Líbano

Um tiroteio entre integrantes de bairros que apoiam lados rivais na guerra civil da Síria deixou quatro mortos em Tripoli, cidade do norte do Líbano, afirmaram neste sábado fontes médicas e de segurança.

NAZIH SIDDIQ, Reuters

30 de novembro de 2013 | 12h43

Os mortos -incluindo um estudante adolescente e um homem na casa dos 30 anos de idade- eram do distrito sunita de Bab al-Tabbaneh, cujos residentes em sua esmagadora maioria apoiam os rebeldes sunitas que lutam contra o presidente sírio Bashar al-Assad.

Trinta pessoas, incluindo cinco soldados, ficaram feridos no tiroteio entre homens armados de Bab al-Tabbaneh e o bairro alauíta vizinho de Jebel Mohsen, que apoia o líder sírio, também alauíta.

O primeiro-ministro Najib Mikati, um sunita de Tripoli, se reuniu com o ministro do Interior e outras autoridades de segurança na cidade mediterrânea para discutir como dar fim à violência, que eclodiu apesar da presença de soldados nos bairros rivais.

Mais conteúdo sobre:
LIBANOTIROTEIOMORTOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.