Reuters
Reuters

Corpo de Arafat será exumado em novembro

Doença que sofreu nos últimos dias de vida levanta suspeita sobre a causa da morte

AE, Agência Estado

30 de outubro de 2012 | 12h17

O corpo de Yasser Arafat será exumado em novembro para que seja determinada a causa de sua morte, afirmaram autoridades francesas nesta terça-feira, 30. Oficiais palestinos confirmaram a informação e acrescentaram que uma equipe separada de investigadores suíços chegará na Cisjordânia ao mesmo tempo. As fontes, que falaram em condição de anonimato, não forneceram datas exatas.

A iniciativa de reexaminar as causas da morte do líder palestino, falecido em 2004, começou após um laboratório suíço ter descoberto traços de polônio-210, um isótopo radioativo mortal, em roupas que pertenceram a ele.

A descoberta reacendeu os rumores de que Arafat tenha sido envenenado. A causa imediata de sua morte foi um derrame, mas uma doença que sofreu nos últimos dias de vida levanta suspeitas. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Yasser Arafatexumação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.