Dezenas de talibans são mortos em ataques no Afeganistão

Dezenas de combatentes do Taliban foram mortos em ataques aéreos norte-americanos e tiroteios no oeste do Afeganistão, após um ataque de insurgentes contra uma patrulha do Exército afegão, afirmaram autoridades da Otan e do Afeganistão.

REUTERS

30 Março 2012 | 08h54

Um porta-voz da Força Internacional de Assistência para Segurança (Isaf, na sigla em inglês) disse que a patrulha foi atacada no distrito de Gulistan, na província de Farah, oeste do país, na quarta-feira, provocando o chamado de reforço aéreo.

"Vários insurgentes foram mortos e diversas motocicletas foram danificadas ou destruídas" após dois ataques de aeronaves da coalizão, disse.

O porta-voz da polícia no oeste do Afeganistão, Abdul Raoof Ahmadi, disse que 30 talibans foram mortos e outros 15 ficaram feridos na luta na região remota.

O vice-governador de Farah, Mohammed Yunus Rasouli, relatou que cinco veículos do Exército Nacional Afegão foram atacados quando cruzavam Gulistan e três soldados foram queimados dentro do veículo.

"Em resposta, a Isaf, o Exército Nacional e a polícia começaram uma operação conjunta que ainda continua", afirmou, acrescentando que ele não podia revelar o número de militantes mortos.

Um porta-voz do Taliban, Qari Yousef Ahmadi, disse em uma mensagem de texto enviada a repórteres que seus combatentes mataram 40 guardas no ataque em Gulistan, que ele afirma ter sido realizado contra um comboio que carregava suprimentos para tropas estrangeiras.

(Reportagem de Sanjeev Miglani e Sharafuddin Sharafyar)

Mais conteúdo sobre:
AFEGANISTAO TALIBAN ATAQUE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.