Dois israelenses e dois palestinos morrem na Cisjordânia

Militantes palestinosmataram dois soldados israelenses que caminhavam perto dacidade de Hebron nesta sexta-feira, em um ataque que deixoudois dos agressores armados mortos, relataram fontes desegurança de Israel e da Palestina. Uma porta-voz do Exército Israelense disse que palestinosarmados abriram fogo contra os soldados, que moravam em umacolônia judaica próxima e que estavam de folga na hora doincidente. Os israelenses revidaram, segundo a porta-voz. A Jihad Islâmica reivindicou responsabilidade pelo ataque.Israel recentemente matou vários militantes do grupo na Faixade Gaza, incluindo alguns comandantes graduados. O grupo havia ameaçado retaliação, dizendo que as açõesisraelenses não "ficariam sem punição". Um representante da polícia de Israel classificou otiroteio de sexta-feira de "ataque terrorista" e relatou que apolícia e o Exército haviam vasculhado a área em busca dosagressores. Horas antes, tropas israelenses perto de Ramallah, naCisjordânia, mataram um segurança que trabalhava para onegociador com Israel do presidente Mahmoud Abbas, de acordocom informações de forças de segurança palestinas. (Reportagem de Haitham Tamimi e Ari Rabinovitch emJerusalém, e Mohammed Assadi em Ramallah)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.