Enviado da ONU se encontra com o presidente sírio

Violência no país já matou mais de 40 mil pessoas desde março de 2011

AE, Agência Estado

24 de dezembro de 2012 | 13h48

O enviado da Organização das Nações Unidas (ONU) e da Liga Árabe para a Síria, Lakhdar Brahimi, encontrou-se nesta segunda-feira com o presidente sírio, Bashar Assad. "Tive a honra de me encontrar com o presidente e, como de costume, trocamos ideias sobre os muitos passos a serem dados no futuro", disse Brahimi a repórteres em seu hotel em Damasco.

Brahimi chegou na Síria no domingo, vindo do Líbano, e não havia falado publicamente desde sua chegada para a visita de dois dias. Ainda não se sabe quais ideias ele pode ter apresentado para ajudar a dar fim à violência que já matou mais de 40 mil pessoas no país desde março de 2011, segundo ativistas.

A visita do enviado ocorre no dia seguinte a um ataque aéreo do governo sírio em uma cidade controlada por rebeldes, que matou mais de 60 pessoas. As informações são da Dow Jones e da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
SíriaONUBashar Assad

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.