EUA montam radar em Israel para detectar mísseis iranianos

Equipamento dará a Israel alguns minutos com relação ao atual sistema para responder a um eventual ataque

EFE

28 de setembro de 2008 | 06h32

O Exército dos Estados Unidos instalou na semana passada em um base militar do deserto israelense do Neguev um sistema de radares de alerta destinado a detectar um eventual lançamento de mísseis a partir do Irã, informam neste domingo os meios de imprensa locais. O radar, que ainda não está em operação, dará ao Estado judeu alguns minutos extras com relação ao atual sistema de detecção para responder a um ataque do Irã com mísseis "terra-terra", diz o jornal "Ha'aretz". O aparelho funcionará com dados captados por satélites americanos e será vinculado ao sistema de foguetes Arrow de defesa antimísseis, o que permitiria tentar frear o ataque. O funcionamento do radar implicará na primeira presença com caráter permanente de pessoal de Exército americano em Israel, hoje concretamente uma equipe de 120 pessoas. O material foi transportado por uma dúzia de aviões militares à base da força aérea israelense em Nevatim. Trata-se do mesmo sistema desdobrado há dois anos no Japão, outro grande aliado dos EUA, para prevenir ataques norte-coreanos com mísseis.

Tudo o que sabemos sobre:
ISRAELIRÃEUAMÍSSEIS

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.