EUA prevêem atraso em referendo sobre cidade iraquiana

É impossível realizar uma consulta paradecidir o status de Kirkuk, uma das mais importantes cidadesiraquianas, este ano e trabalhar para que as mudanças comecem aocorrer em 2008, avaliou o subsecretário de Estadonorte-americano, John Negroponte, no domingo. A constituição do Iraque prevê um referendo sobre a antigacidade até o final deste ano, mas muitos entendem que ocalendário não poderá ser cumprido, já que o censo de eleitoresnem começou. Kirkuk, uma cidade de curdos, árabes e turcos a 250quilômetros ao norte de Bagdá, é considerada como a próximapotência do Iraque. "Evidentemente, não será possível montar um referendo até ofinal deste ano", disse Negroponte a jornalistas em Bagdá apósconversações com líderes iraquianos. Árabes e turcos temem serem expulsos de Kirkuk se oreferendo acontecer e querem que ele seja interrompido ouadiado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.