Exército israelense mata um palestino e detém 20 na Cisjordânia

Ação aconteceu durante uma das freqüentes batidas para prender ativistas procurados no distrito de Nablus

Efe,

21 de agosto de 2007 | 02h52

Soldados do Exército israelense mataram na madrugada desta terça-feira, 21, um militante palestino e capturaram 20 em diferentes pontos da Cisjordânia ocupada, segundo fontes de segurança palestinas e militares. O porta-voz militar israelense informou que os soldados dispararam contra um miliciano palestino armado no distrito de Nablus. Aparentemente a ação aconteceu durante uma das freqüentes batidas para prender ativistas procurados pelas forças de segurança. As fontes palestinas disseram que o morto era um ativista da Frente Popular para a Libertação da Palestina (FPLP). Mas por enquanto não se sabe a sua identidade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.