Exército libanês diz que 22 soldados estão desaparecidos e 14 mortos

Confrontos deixaram ainda 86 soldados feridos

REUTERS

04 de agosto de 2014 | 11h01

A Exército do Líbano informou nesta segunda-feira que 22 soldados libaneses se encontravam desaparecidos e outros 14 foram mortos em confrontos com militantes islamitas na fronteira com a Síria.

O Exército informou por meio de comunicado que outros 86 soldados ficaram feridos em Arsal, onde militantes islâmicos lançaram uma ofensiva contra forças de segurança no sábado.

(Texto de Tom Perry)

Tudo o que sabemos sobre:
LIBANOEXERCITOMORTOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.