Explosão em mercado de Bagdá mata cinco e fere 20

Entre as vítimas há cinco policiais; segundo testemunhas, um desconhecido colocou a bomba no local

Efe,

23 de novembro de 2007 | 05h26

Pelo menos 13 pessoas morreram nesta sexta-feira, 23, e 57 foram feridas pela explosão de uma bomba em um mercado de animais domésticos no centro de Bagdá, informaram fontes policiais iraquianas. As fontes acrescentaram que a explosão, no mercado de Ghazl, causou danos a várias lojas. O número de mortes pode aumentar. Um desconhecido colocou a bomba no mercado no começo da manhã e fugiu, disseram as fontes. Entre os feridos estão cinco policiais. O mercado estava lotado no momento da explosão, já que a sexta-feira é um dia de folga, no qual normalmente muitos iraquianos vão às compras. O mercado popular de Ghazl, vizinho ao de Shuryza, um dos maiores do Iraque, vem sendo recentemente um alvo freqüente de ataques dos grupos de insurgentes, com dezenas de mortos e feridos.

Tudo o que sabemos sobre:
Iraque

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.