Explosão no Líbano fere dois soldados da missão da ONU

Porta-voz da Finul afirma que soldados foram levemente feridos; este é o terceiro ataque desde 2006

Associated Press, REUTERS

08 de janeiro de 2008 | 11h34

A explosão de uma bomba em uma estrada ao sul de Beirute feriu pelo menos dois membros membros de uma força de paz da Organização das Nações Unidas (ONU) na região nesta terça-feira, 7.  Desmentindo informações de autoridades libanesas, Milos Strugar, assessor do comandante da Força Interina da Organização das Nações Unidas (ONU) no Líbano, negou que os soldados feridos hoje em ataque a bomba fossem espanhóis.   Strugar, contudo, confirmou que dois soldados do contingente de paz da ONU ficaram "levemente feridos" no ataque, mas não disse a nacionalidade deles. Os dois foram levados ao hospital. A explosão foi ouvida na cidade de Rmeileh, perto da cidade costeira de Sidon, e ergueu uma coluna de fumaça do local do ataque.   Este foi o terceiro ataque contra membros das Forças de Paz da ONU desde que a organização expandiu os trabalhos dos mais de 13 mil soldados após os conflitos entre Israel e o grupo político islâmico Hezbollah em 2006.

Tudo o que sabemos sobre:
LIBANOEXPLOSAOFORCAONU

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.