Explosões em Bagdá deixam quatro mortos e 25 feridos

Testemunhas afirmam que são 11 mortos; entre as vítimas há dois policiais

Efe,

24 de outubro de 2007 | 06h27

Pelo menos quatro pessoas morreram nesta quarta-feira, 24, e 25 ficaram feridas pela explosão de dois artefatos num ponto de táxis no sul de Bagdá, informaram fontes policiais iraquianas. As explosões aconteceram perto da ponte de Diyala. O atentado causou danos a diversos carros que esperavam no ponto. Testemunhas afirmaram que o ataque matou 11 pessoas, além de deixar dezenas de feridos. No bairro de al-Qadisiyah, no oeste da capital, três pessoas ficaram feridas pela explosão de uma bomba. Entre as vítimas há dois policiais. O alvo da explosão foi uma patrulha da polícia iraquiana, segundo as fontes.

Tudo o que sabemos sobre:
BagdáIraqueatentados

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.