Explosões matam pelo menos dez pessoas no Iraque

Estacionamento de um quartel-general das forças locais de segurança é alvo dos ataques

Ricardo Gozzi, da Agência Estado,

11 de outubro de 2009 | 08h44

Duas explosões ocorridas num breve intervalo de tempo provocaram a morte de pelo menos dez pessoas no oeste do Iraque neste domingo, informaram fontes policiais e hospitalares. Dezenas de pessoas ficaram feridas.

 

Um oficial da polícia de Ramadi, capital da província de Anbar, disse que a primeira explosão ocorreu em um estacionamento próximo do quartel-general das forças locais de segurança e a da Câmara dos Vereadores da cidade.

 

Logo a seguir, de acordo com a mesma fonte, um militante suicida a bordo de uma motocicleta atacou no mesmo local depois da chegada da polícia.

 

Segundo a fonte policial, as explosões deixaram 12 mortos, mas um médico do hospital geral de Ramadi disse que dez corpos foram levados até o momento à morgue da instituição.

 

É bastante comum haver números conflitantes logo depois de atentados como os ocorridos hoje no oeste iraquiano. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
IraqueexplosãoAnbar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.