Filho de Gaddafi é detido na Líbia, dizem autoridades

O filho e suposto herdeiro do ex-líder líbio Muammar Gaddafi, Saif al-Islam, foi detido no deserto no sul do país, disse o ministro interino de Justiça e outras autoridades líbias neste sábado.

ALASTAIR MACDONALD, REUTERS

19 de novembro de 2011 | 10h58

Segundo as fontes, Saif al-Islam e alguns guarda-costas foram detidos próximo à cidade de Obari, mas nenhuma outra autoridade do antigo governo estava entre os detidos, que foram capturados por combatentes de Zintan, uma cidade da região montanhosa no oeste do país.

"Nós prendemos Saif al-Islam Gaddafi na área de Obari", disse o ministro da Justiça, Mohammed al-Alagy, à Reuters, acrescentando que o foragido, de 39 anos, que é procurado por crimes contra a humanidade pelo Tribunal Penal Internacional (TPI) em Haia, não ficou ferido.

Outra autoridade e um representante do Conselho Nacional de Transição (CNT), que atualmente governa o país, disse à Reuters que o governo interino ainda estava confirmando os detalhes da ocorrência.

Não houve informações sobre a outra autoridade que está sendo procurada pelo TPI, disse o ex-chefe da inteligência Abdullah al-Senussi.

A notícia foi divulgada depois que combatentes de Zindan, uma poderosa facção entre os diversos grupos armados que atualmente dominam a Líbia enquanto o tribunal internacional tenta formar um novo governo, começaram a comemorar em Trípoli.

Bashir Thaelba, comandante de Zintan que havia convocado uma coletiva de imprensa sobre outra questão, disse a jornalistas na capital que Gaddafi seria mantido em Zintan até que houvesse um governo formado para o qual ele seria entregue. Isso deve acontecer dentro de alguns dias.

"Os rebeldes de Zintan anunciam que Saif al-Islam Gaddafi foi detido junto com três de seus ajudantes hoje", disse Thaelba em comentários divulgados pela televisão líbia. "Esperamos nesse momento histórico que o futuro da Líbia será iluminado."

Muammar Gaddafi foi morto há um mês depois de ser capturado em sua cidade natal, Sirte, localizada na região costeira do país.

(Reportagem de Alastair Macdonald)

Tudo o que sabemos sobre:
LIBIAGADDAFIFILHOPRESO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.