Foguetes palestinos põem fim à trégua na Faixa de Gaza

Milícias palestinas lançaram doze foguetes Qassam e duas bombas contra território israelense

Efe,

13 de março de 2008 | 05h32

As milícias palestinas lançaram na noite desta quarta-feira, 12, doze foguetes Qassam e duas bombas contra o território israelense, o que pôs fim à trégua que reinava entre Gaza e Israel desde a sexta-feira passada, informou o Exército do Estado judeu. Nenhum dos projéteis causou vítimas, mas dois provocaram danos materiais nas proximidades de uma adega e em um campo de futebol da cidade de Sderot, disse uma porta-voz militar. Os foguetes foram a "resposta inicial" da Jihad Islâmica à morte de cinco milicianos palestinos na terça-feira pelo Exército israelense nas cidades cisjordanianas de Tulkarem e Belém, indicou este grupo armado palestino em comunicado. Até a operação militar israelense de quarta-feira na Cisjordânia, o Estado judeu e as milícias palestinas respeitavam desde a sexta-feira uma trégua obtida com mediação do Egito após uma vasta operação militar em Gaza que custou a vida de mais de 125 palestinos. Apesar de Israel e o Hamas terem desmentido a existência de qualquer acordo, o presidente palestino, Mahmoud Abbas, revelou que as milícias palestinas tinham se comprometido a deixar de atacar o Estado judeu em troca da suspensão de operações aéreas e terrestres na Faixa de Gaza. Entre a sexta-feira e a noite de quarta-feira foram registrados os lançamentos de cinco foguetes e algumas bombas contra o território israelense, mas estes ataques esporádicos foram atribuídos a pequenas milícias palestinas, e não ao Hamas.

Tudo o que sabemos sobre:
Faixa de GazaIsraelPalestina

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.