Foguetes provenientes do Líbano atingem Israel, não há feridos

Pelo menos dois foguetes atingiram o norte de Israel a partir do Líbano nesta sexta-feira, levando a artilharia israelense a bombardear os bosques de onde eles foram disparados, informaram autoridades dos dois lados da fronteira.

REUTERS

11 de setembro de 2009 | 13h56

A polícia israelense, que confirmou o ataque de dois foguetes, não recebeu informações sobre feridos ou mortos. Forças de segurança do Líbano, que reportaram o disparo de ao menos dois mísseis e a chegada de 15 bombas israelenses, não disseram quem pode ter lançado os foguetes.

A televisão israelense, mais tarde, divulgou que um terceiro míssil danificou um poste de eletricidade.

Um porta-voz do Exército israelense afirmou que muitos foguetes foram disparados, sem feridos, e confirmou que os militares do país contra-atacaram. Segundo ele, o Exército israelense considera o governo do Líbano responsável.

Forças de paz da ONU no Líbano e o Exército libanês deslocaram soldados extras para evitar uma escalada da violência, disse uma porta-voz das forças de paz.

Foi a primeira vez desde fevereiro que foguetes foram disparados do Líbano para Israel, aumentando as tensões em uma fronteira que continua instável três anos após uma guerra entre o Estado judeu e guerrilheiros do Hezbollah.

Tudo o que sabemos sobre:
ORMEDFOGUETESLIBANO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.