Gaddafi é pobre e honesto, diz porta-voz

O porta-voz de Muammar Gaddafi afirmou neste domingo que o líder líbio deposto e sua família não enriqueceram com o petróleo e que eles estão entre os "cidadãos mais pobres" do país.

REUTERS

25 Setembro 2011 | 17h53

O porta-voz, Moussa Ibrahim, afirmou à Reuters, em entrevista por telefone a partir de uma localização não revelada, que ninguém foi capaz de mostrar que Gaddafi ou sua família têm bens ou contas bancárias.

"Isso é mais uma prova de honestidade e transparência de sua família e de que eles são uma família comum da Líbia", disse Ibrahim, que normalmente atua como contato de Gaddafi junto à mídia internacional.

O paradeiro de Gaddafi é desconhecido desde que combatentes que lutavam contra seu regime de 42 anos no poder tomaram a capital líbia no mês passado.

A família de Gaddafi é conhecida por um estilo de vida luxuoso.

A cantora Nelly Furtado revelou que recebeu 1 milhão de dólares para fazer um show privado de 45 minutos para membros da família de Gaddafi na Itália, enquanto Mariah Carey e Beyonce tinham shows marcados para a família.

A Suíça informou em maio que encontrou 360 milhões de francos suíços (415,8 milhões de dólares) em ativos potencialmente ilegais vinculados a Gaddafi e seu círculo mais próximo.

Jornais britânicos publicaram que o filho de Gaddafi Saif al-Islam tem uma casa em Londres avaliada em 19 milhões de dólares. A residência tem 9 quartos, piscina e sala de cinema.

"O líder da revolução e sua família estão entre os cidadãos mais pobres do país", disse Ibrahim. "Toda a riqueza da Líbia é de companhias e instituições."

(Por Ali Shuaib)

Mais conteúdo sobre:
LIBIA GADDAFI POBRE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.