Gaddafi ordenou atentado de Lockerbie, diz ex-ministro

O líder líbio, Muammar Gaddafi, ordenou o atentado de 1988 contra um avião da Pan Am sobre a localidade escocesa de Lockerbie, disse um ex-ministro líbio à edição de quarta-feira do jornal sueco Expressen.

REUTERS

23 de fevereiro de 2011 | 18h19

Mustafa Mohamed Abud al Jeleil deixou o Ministério da Justiça nesta semana em protesto contra a repressão a manifestantes anti-Gaddafi.

"Tenho provas de que Gaddafi deu a ordem para Lockerbie", afirmou ele ao tabloide em um local não revelado da Líbia. O jornal não disse quais seriam essas provas.

O líbio Abdel Basset al Megrahi foi julgado e condenado na Escócia pelo atentado. Gaddafi, no poder desde 1969, passou anos sendo considerado um pária internacional por causa desse ataque.

Em 2009, o governo escocês libertou Al Megrahi por razões humanitárias, já que ele tinha câncer em estágio terminal. Al Megrahi voltou à Líbia e continua vivo. Os EUA na época criticaram a libertação dele.

"A fim de ocultar (seu envolvimento no ataque, Gaddafi) fez de tudo ao seu alcance para trazer Al Megrahi de volta da Escócia", disse Al Jeleil ao jornal. "Ele ordenou que Megrahi fizesse aquilo."

Tudo o que sabemos sobre:
LIBIAGADDAFIBOMBA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.