Guarda Revolucionária do Irã recebe lanchas capazes de carregar mísseis

Segundo instituição, embarcações aumentam poderio ofensivo da República Islâmica

Efe,

28 de setembro de 2010 | 18h42

TEERÃ- A Guarda Revolucionária, corpo de elite do Exército iraniano e fundamento ideológico do regime, recebeu novas lanchas capazes de transportar foguetes e mísseis, afirmou nesta terça-feira, 28, o vice-almirante da Força Naval iraniana, Alí Reza Tangsiri.

 

"Essas lanchas incrementam nossa capacidade ofensiva, já que podem ser equipadas com lança-foguetes e lança-mísseis em um futuro próximo", explicou o oficial à agência de notícias local Fars durante a entrega dos artefatos.

 

Segundo Tangsiri, as novas embarcações, batizadas de "bavar-2", "atingem altas velocidades, têm grande capacidade de movimento e podem ser equipadas com qualquer tipo de armamento de fabricação nacional". Além disso, elas teriam sido projetadas para se moverem com facilidade em mares agitados.

 

O ministro de Defesa, Ahmad Vahidi, disse que as lanchas estão equipadas com metralhadoras, aparatos de visão noturna e aparelhos de registro e transmissão de dados.

 

O Irã está submetido a um embargo de armas desde a década de 80, mas desde 1992 desenvolve seu próprio programa militar, com mísseis de médio alcance, veículos de combate, navios de guerra e dois aviões não-tripulados.

 

Leia ainda:

linkAmorim discute com chanceler iraniano questão nuclear

linkBlogueiro iraniano é condenado a 19 anos de prisão, diz ativista 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.