Hezbollah diz que Israel prepara nova guerra no Líbano

Líder do grupo xiita afirma que governo israelense estuda pontos fracos e fala em 'ambiente de conspiração'

Efe,

20 de julho de 2009 | 18h13

O líder do grupo xiita Hezbollah, Hassan Nasrallah, afirmou nesta segunda-feira, 20, que Israel trabalha diariamente para superar os pontos fracos em sua defesa e que prepara uma nova guerra para controlar as águas e o território libanês. Como é habitual, Nasrallah fez essas declarações em uma videoconferência, dessa vez transmitida na cerimônia em memória do religioso radical sunita Fathi Yakan, morto em 13 de junho passado.

 

Nasrallah denunciou também a existência nos últimos anos de "um ambiente de conspiração contra a resistência", que sofreu ataques não só dirigidos contra seu arsenal, "mas também contra sua cultura, essência e mártires".

 

No entanto, assinalou que os inimigos do Hezbollah "fracassaram e os combatentes da resistência superaram a fase mais difícil e seguem de pé". A declaração de Nasrallah coincide com um aumento da tensão no sul do Líbano após vários incidentes leves nos últimos dias.

Tudo o que sabemos sobre:
HezbollahIsrael

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.