Homem-bomba em motocicleta mata ao menos 10 no Afeganistão

Atentado foi próximo da fronteira com o Paquistão; autoridades confirmam morte de crianças

REUTERS

19 Maio 2012 | 13h28

Um homem-bomba em uma motocicleta detonou explosivos em um distrito afegão próximo da fronteira com o Paquistão, matando ao menos 10 pessoas, incluindo crianças, afirmaram autoridades neste sábado. 

O ataque ocorre um dia antes um encontro da Otan em Chicago, onde o grupo espera definir o seu papel no Afeganistão após a saída das tropas de combate estrangeiras, que devem sair até o final de 2014. 

"O homem-bomba se explodiu em um mercado lotado e era poderoso", afirmou o chefe de polícia da província de Khost, Sardar Mohammad Zazai. 

Ele disse que o homem estava se dirigindo para um posto policial no bairro de Ali Sher, ao longo da fronteira com o Afeganistão, "uma área tribal sem leis". 

Ninguém reivindicou a autoria do ataque, que matou seis crianças, um adulto e três policiais civis. 

(Hamid Shalizi, texto de Amie Ferris-Rotman)

Mais conteúdo sobre:
ORMED AFEGANISTAO MOTO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.