Homem-bomba mata pelo menos 6 em hospital militar em Cabul

Um homem-bomba matou pelo menos seis pessoas e feriu outras 23 neste sábado quando detonou os explosivos em um hospital militar na capital afegã, Cabul, informou o Ministério da Defesa em um comunicado.

REUTERS

21 de maio de 2011 | 09h19

A explosão ocorreu às 12h30 (6h no horário de Brasília) na cafeteria do hospital, onde estudantes de medicina estavam almoçando, disse Mohammad Zahir, chefe da unidade de investigação da polícia. Ele acrescentou que os mortos eram estudantes.

O hospital está localizado numa área bastante protegida da capital, onde ficam várias embaixadas e escritórios de organismos internacionais.

Apesar da escalada da violência no décimo aniversário da impopular guerra no Afeganistão, Cabul é relativamente tranquila.

(Por Hamid Shalizi)

Tudo o que sabemos sobre:
AFEGANISTAOHOMEMBOMBAHOSPITAL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.