Irã diz que plano russo pode reabrir negociação nuclear

O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, saudou na terça-feira a tentativa russa de retomar as negociações multilaterais sobre o fim do programa iraniano de enriquecimento de urânio, mas foi vago sobre qual seria a pauta das discussões.

REUTERS

16 de agosto de 2011 | 20h39

"O Irã dá as boas vindas à proposta russa e está preparado para participar dela dando sugestões a respeito de como cooperar", disse Ahmadinejad após uma reunião com o secretário do Conselho de Segurança do governo russo, Nikolai Patrushev, segundo relato da Irna, agência oficial de notícias do país.

Antes, Saeed Jalili, secretário-geral do Conselho Nacional de Segurança do Irã, disse à TV pública Irib que a proposta de Moscou - cujos detalhes não foram divulgados - poderia ser usada para retomar as negociações paralisadas desde janeiro.

Os EUA e outras potências ocidentais querem que o Irã abandone o programa de enriquecimento porque temem que ele esteja voltado para o desenvolvimento de armas atômicas, algo que Teerã nega.

O processo multilateral envolve os cinco membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU (EUA, Grã-Bretanha, França, Rússia e China), mais a Alemanha.

(Reportagem de Mitra Amiri)

Tudo o que sabemos sobre:
IRARUSSIANUCLEAR*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.