Irã é 'avesso a bomba atômica', diz Ahmadinejad

Presidente iraniano afirma que país é partidário do desarmamento, informa a agência France Press

estadao.com.br,

16 de dezembro de 2009 | 18h09

O presidente iraniano Mahmud Ahmadinejad em entrevista a uma emissora de televisão afirmou que o Irã é avesso a bomba atômica" e "não tem necessidade de ter uma para se defender", informou nesta quarta-feira, 16, a agência de notícias France Press.

VEJA TAMBÉM:
Irã volta a testar com sucesso míssil de médio alcance
Autoridades dos EUA mostram-se preocupadas com teste do Irã
O programa nuclear do Irã
O histórico de tensões e conflitos do Irã

 

Ahmadinejad ainda afirmou que seu país é "partidário do desarmamento nuclear e de outras armas que tenham poder de destruição em massa". Questionado se o Irã não estaria usando seu programa nuclear civil para produzir a bomba atômica, o líder do governo de Teerã afirmou: ""Quando queremos fazer algo dizemos claramente".

 

Nesta quarta-feira, 16, o Irã voltou a fazer testes de mísseis de médio alcance. O armamento testado foi o míssil Sajil-2, que pode atingir alvos distantes até 2 mil quilômetros de sua origem. Autoridades americanas e britânicas se disseram preocupadas com as ações militares de Teerã.

Tudo o que sabemos sobre:
Irãbomba atômicaMahmud Ahmadinejad

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.