Irã e EUA discutirão segurança do Iraque na segunda-feira

Irã, Estados Unidos e Iraque discutirão,na segunda-feira, detalhes de um compromisso formulado em julhopara ajudar na restruturação da segurança no Iraque, afirmouuma autoridade sênior do Irã neste sábado, segundo a agência denotícias oficial do país. Teerã e Washington, que romperam laços diplomáticos poucodepois da revolução islâmica no Irã, em 1979, reuniram-se duasvezes em Bagdá em maio e em julho para encontrar maneiras demelhorar a segurança no Iraque. Na segunda rodada de negociações, ocorrida em 24 de julhoem Bagdá, representantes dos EUA, Irã e Iraque concordaram emmontar um comitê trilateral para investigar problemas como oapoio a milícias e ao al Qaeda no Iraque. O embaixador do Irã em Bagdá, Hassan Kazemi-Qomi, disse queas autoridades trocariam opiniões sobre o comitê nasegunda-feira. "Na próxima reunião, espera-se que os representantes doIrã, EUA e Iraque mantenham debates práticos sobre cronogramados compromissos de segurança", afirmou à agência de notíciasiraniana, IRNA. Kazemi-Qomi disse para outra agência de notícias do Irã nasexta-feira que as conversas de nível técnico ocorreriam noinício da próxima semana, mas não especificou quem seriam osparticipantes da reunião. Washington acusa muçulmanos xiitas do Irã de promover aviolência no Iraque. O Irã nega a acusação e culpa a invasãonorte-americana em 2003 pelo derramamento de sangue entre amaioria xiita e a minoria sunita no Iraque. As duas rodadas de negociações, em que foram discutidosessencialmente questões sobre a segurança iraquiana, foram oscontatos mais diretos entre Irã e Estados Unidos desde 1979. (Por Zahra Hosseinian)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.