Irã protesta contra desenho de Maomé em jornal da Suécia

Representante sueco no país é convocado para responder sobre a publicação da charge 'desrespeitosa'

REUTERS

27 de agosto de 2007 | 14h29

O Irã convocou o representantediplomático da Suécia no país na segunda-feira para protestarcontra a publicação de uma ilustração "desrespeitosa" doprofeta Maomé em um jornal sueco, disse a imprensa estataliraniana. A embaixada sueca em Teerã confirmou ter recebido umamanifestação de protesto em uma reunião no Ministério dasRelações Exteriores do Irã, por causa da ilustração feita porum artista sueco e publicada na semana passada em um jornalregional, o Nerikes Allehanda. O jornal citou a liberdade de expressão para justificar adecisão de publicar a ilustração, mas a medida provocou arealização de uma pequena manifestação diante de sua sede, nasexta-feira. Galerias de arte suecas decidiram não expor as ilustraçõesdo artista sobre o mesmo tema, alegando correr o risco deirritar os muçulmanos. No início de 2006, uma onda de protestos causou tumultos nomundo inteiro por causa de caricaturas do profeta Maomépublicadas num jornal dinamarquês e republicadas por outrosperiódicos europeus.

Tudo o que sabemos sobre:
IrãMaoméSuécia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.