Irã quer combustível nuclear antes de enviar estoque ao exterior

O Irã disse à agência nuclear da Organização das Nações Unidas (ONU) que deseja combustível nuclear novo para um reator em Teerã antes de concordar em enviar seus estoques de urânio enriquecido para a Rússia e a França, disseram diplomatas nesta sexta-feira.

REUTERS

30 de outubro de 2009 | 17h10

No que a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) considerou como uma "resposta inicial" para um esboço de pacto sobre combustível nuclear, diplomatas ocidentais afirmaram, sob condição de anonimato, que as potências ocidentais consideraram inaceitável a exigência iraniana para acesso imediato a novo combustível nuclear.

Tudo o que sabemos sobre:
IRAONUNUCLEAR*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.