Iraque responde a acordo final dos EUA sobre retirada de tropas

O governo iraquiano respondeu nesta segunda-feira ao esboço final de um esperado acordo de segurança que exigiria a retirada das tropas norte-americanas do Iraque até o final do ano de 2011, disse o conselheiro de mídia do primeiro-ministro iraquiano Nuri al-Maliki. "Nossa resposta às emendas do pacto de segurança foi entregue ao Conselho da Presidência essa noite", disse Yasin Majeed à Reuters, referindo-se ao órgão composto pelo presidente Jalal Talabani e por seus dois vice-presidentes. Majeed recusou-se a dizer se seu gabinete havia aceito o acordo preliminar, mas afirmou que o texto seria agora encaminhado ao presidente do parlamento e aos seus dois suplentes. O Parlamento deve aprovar o acordo para que ele tenha efeito. Os Estados Unidos enviaram a Maliki o último texto na semana passada em resposta ao pedido de última hora do Iraque por mudanças em um acordo que foi construído durante meses. Autoridades norte-americanas disseram que o texto é o final e não está aberto a novas mudanças. O acordo estabelece que as tropas dos EUA deixem o Iraque até o final de 2011, e que deixem as ruas de cidades e vilas até o meio do ano que vem. Autoridades iraquianas disseram que a versão final inclui algumas mas não todas das 110 mudanças pedidas.

REUTERS

10 de novembro de 2008 | 17h34

Tudo o que sabemos sobre:
IRAQUEACORDOEUA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.