Irmão de presidente sírio perdeu perna em ataque, dizem fontes

O irmão do presidente sírio Bashar al-Assad perdeu uma perna no ataque de julho contra o gabinete de segurança do governo em Damasco, disseram nesta quinta-feira um diplomata ocidental e uma fonte baseada no Golfo Pérsico.

Reuters

16 de agosto de 2012 | 11h35

"Nós soubemos que ele (Maher al-Assad) perdeu uma perna durante a explosão, mas não sabemos de mais nada", disse o diplomata à Reuters.

Uma fonte no Golfo confirmou a informação: "Ele perdeu uma das pernas. A notícia é verdadeira."

O atentado de 18 de julho matou metade dos membros do conselho de crise do governo, integrado por seis autoridades, incluindo o cunhado de Assad, Assef Shawkat.

Maher al-Assad não é visto em público desde o ataque.

O presidente sírio enfrenta há 17 meses um levante contra seu regime. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), pelo menos 18 mil pessoas já morreram na revolta.

(Reportagem de Amena Bakr)

Tudo o que sabemos sobre:
SIRIAASSADIRMAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.