Israel e Síria retomarão diálogo de paz

Jornal afirma que conversas continuarão dentro de duas semanas sob supervisão de um observador americano

EFE,

06 de setembro de 2008 | 14h00

Israel e Síria retomarão as conversas de paz dentro de duas semanas sob supervisão de um observador americano, revelou neste sábado o jornal Al Sharq Al Awsat. A informação do jornal, que tem sede em Londres, cita uma fonte diplomática européia recentemente de visita a Israel. Ela foi confirmada por fontes oficiais israelenses e desmentida por outras na imprensa local. O diálogo de paz entre Israel e Síria, baseado em encontros indiretos com mediação turca, foi divulgado em maio. Na quinta-feira passada, o presidente sírio, Bashar al-Assad, anunciou em Damasco que a quinta reunião de negociações indiretas entre seu país e Israel, que se devia ter acontecido um dia antes na Turquia, tinha sido adiada devido à renúncia do chefe da equipe de negociação israelense. Assad citou então a França e o Catar como "parceiros principais" na fase seguinte das negociações, que devem passar a ser diretas, mas ressaltou que as partes precisam do "apoio de todos os países". EFE

Tudo o que sabemos sobre:
Israel, Síria

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.