Israel inicia maior exercício de Defesa Civil de sua história

Especula-se que israelenses preparam investida contra Irã; premiê diz que trata-se de exercício de rotina

Reuters

31 de maio de 2009 | 11h12

Israel lançou neste domingo, 31, o maior exercício interno de defesa, preparando civis e soldados para ataques com mísseis em um eventual conflito com o Irã ou inimigos árabes.

 

A iniciativa de cinco dias, chamada "Ponto de Quebra 3", é parte de um treinamento anual de rotina que os israelenses instituíram logo depois do conflito de 2006 no Líbano, durante o qual a guerrilha de Hezbollah, apoiada pelo Irã, lançou 4 mil projéteis sobre o Estado judeu.

 

Estão sendo produzidas investidas similares, no sul, por parte dos militares palestinos do Hamas, na Faixa de Gaza, apesar da violência ter se reduzido desde que Israel lançou ofensiva contra o território, em dezembro passado.

 

O exercício está sendo observado de perto na região devido às especulações sobre um possível assalto israelense com mísseis contra as instalações nucleares do Irã, o que poderia causar uma agressiva resposta.

 

O processo inclui o som de sirenes, indicando ataques aéreos, mais simulação de ataques químicos e com mísseis.

 

O premiê Benjamin Netanyahu descreveu a instrução como uma simples medida preventiva.

 

"Esta é uma ação de rotina e não está ligada a nenhuma classe de evento extraordinário ou a qualquer alerta de inteligência", afirmou em seu gabinete.

 

"É parte da forma que vivemos e da realidade para a qual devemos estar preparados, a fim de blindar a segurança necessária para nossos cidadãos", adicionou.

 

O líder do Hezbollah , Hassan Nasrallah, disse esta semana que seu grupo tomaria "uma série de medidas preventivas durante o período de manobras para evitar qualquer possibilidade de ação militar contra o Líbano", que promove eleições no dia 7 de junho.

Tudo o que sabemos sobre:
Israletreinamento. ataqueIrã

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.