Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Ronen Zvulun/Reuters
Ronen Zvulun/Reuters

Israel limita acesso à Esplanada das Mesquitas em Jerusalém

Polícia teme que aconteçam distúrbios na cidade velha por causa do início da Páscoa judaica

Efe

29 de março de 2010 | 09h25

A Polícia israelense limita nesta segunda-feira, 29, o acesso à Esplanada das Mesquitas de Jerusalém perante o temor de que aconteçam distúrbios na cidade velha e na parte leste da cidade, por causa do início esta tarde da Páscoa judaica.

 

Em virtude das limitações impostas durante a jornada, só poderão ter acesso ao recinto os muçulmanos maiores de 50 anos e mulheres de todas as idades, enquanto os não muçulmanos não poderão visitar o local, informou à Agência Efe um porta-voz da Polícia.

 

A fonte não soube dizer se a medida se estenderá durante toda a festividade judaica, que se prolonga por uma semana.

 

Cerca de 250 mil agentes da corporação estão desdobrados em diferentes pontos da cidade a fim de evitar distúrbios, como os protagonizados por jovens palestinos há várias semanas.

 

O Exército israelense mantém fechados desde a madrugada passada e até o próximo 6 de abril os acessos a partir do território palestino por ocasião da celebração da Páscoa judaica.

 

A Páscoa judaica ("Pessach", em hebraico) lembra a saída do povo judeu do Egito, guiado por Moisés, segundo narra o livro bíblico do Êxodo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.