Jordânia alerta que assentamentos de Israel podem pôr em risco tratado de paz

A Jordânia alertou Israel neste domingo que o tratado de paz firmado pelos dois países há 20 anos poderá ficar sob risco com a contínua construção de assentamentos judaicos em terras árabes ocupadas e qualquer esforço para mudar o status religioso de um santuário essencial para os muçulmanos em Jerusalém.

REUTERS

26 de outubro de 2014 | 17h35

"Todos esses atos são incompatíveis com o direito internacional e o direito internacional humanitário e, se for permitido que continuem, acabarão pondo em perigo o tratado", disse o embaixador da Jordânia em Israel, Walid Obeidat, em um evento em Tel Aviv.

Obeidat citou as tentativas dos israelenses de extrema-direita de mudar o status de uma praça perto da mesquita sagrada de al-Aqsa --sagrada para os judeus por ser o local onde ficavam os dois antigos templos de sua religião --, e os relatos de planos para construir mais assentamentos em terras que os palestinos reivindicam para a formação de seu Estado.

(Reportagem de Dan Williams)

Tudo o que sabemos sobre:
ORMEDISRAELJORDANIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.