Liga Área diz estar preocupada com violência na Síria

A secretário-geral da Liga Árabe disse neste sábado estar seriamente preocupado com a violência atual na Síria e apelou para que Damasco cumpra as medidas concordadas perante Estados árabes para proteger civis e colocar o país no caminho certo para um diálogo.

REUTERS

05 de novembro de 2011 | 13h22

Em comunicado, Nabil Elaraby expressou sua "preocupação com a contínua violência" no país e "apelou imediatamente ao governo sírio sobre a necessidade de tomar medidas imediatas para proteger civis".

"O fracasso da solução árabe levaria a resultados catastróficos para a situação na Síria e da região como um todo", disse ele, referindo-se ao plano da Liga, concordado por Damasco.

Ele acrescentou que a entidade quer garantir a segurança da Síria e evitar "intervenção estrangeira".

(Por Edmund Blair)

Tudo o que sabemos sobre:
SIRIALIGAARABEVIOLENCIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.