Mais de cem fogem de avião seqüestrado na Turquia

Ao menos 4 passageiros e 2 tripulantes ainda estariam a bordo

BBC Brasil, BBC

18 de agosto de 2007 | 06h36

Mais de cem passageiros conseguiram fugir de um avião no aeroporto de Anatólia, na Turquia, após uma tentativa de seqüestro na manhã deste sábado.O avião, da empresa Atlas Jet, estava voando do norte do Chipre para Istambul, quando dois homens, que disseram ter uma bomba, tentaram desviá-lo para a capital do Irã, Teerã.O piloto pousou a aeronave em Anatólia, alegando estar sem combustível para seguir ao Irã.Logo após o pouso, parte dos passageiros conseguiu abrir as portas de emergência e escapar.Imagens da TV mostraram dezenas de passageiros correndo sobre a asa do avião e depois pulando sobre a pista.Ao menos quatro passageiros e dois tripulantes estariam ainda a bordo da aeronave com os dois seqüestradores.Um funcionário da companhia aérea disse que o avião levava originalmente 136 passageiros e seis tripulantes ao levantar vôo.Após duas horas de vôo, os seqüestradores tentaram invadir a cabine dos pilotos, sem sucesso, mas disseram carregar uma bomba e exigiram serem levados ao Irã.O presidente da Atlas Jet, Tuncay Doganer, disse à TV turca que os seqüestradores aparentemente não possuem armas, mas poderiam realmente ter uma bomba.Segundo relatos de passageiros que conseguiram deixar a aeronave, os seqüestradores eram altos, de pele escura, aparentemente falavam árabe e disseram pertencer à rede Al Qaeda.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.