Manifestante atira sapato contra embaixador de Israel na Suécia

O embaixador de Israel na Suécia tornou-se a mais recente figura pública a virar alvo de um manifestante atirando seus sapatos. Autoridades da Universidade de Estocolmo disseram que uma pessoa presente a uma reunião de estudantes convocada esta semana para ouvir o embaixador israelense Benny Dagan explicar a eleição que acontecerá nos próximos dias em Israel atirou um sapato contra o embaixador. "Durante o seminário, alguém atirou um sapato no embaixador", disse uma porta-voz da universidade, Maria Sandqvist. "Era uma organização estudantil que promoveu um evento e convidou o embaixador para falar sobre a eleição próxima em Israel." Em dezembro passado um jornalista iraquiano atirou seus dois sapatos contra o então presidente norte-americano George W. Bush, quando este fazia uma viagem de despedida do Iraque. Na última segunda-feira, um manifestante atirou um sapato contra o primeiro-ministro chinês, Wen Jiabao, quando ele fazia um discurso na Universidade Cambridge, na Inglaterra. O grupo estudantil Associação de Políticas Externas, em Estocolmo, divulgou em seu site um comunicado lamentando o incidente. "A violência nunca é solução", disse o comunicado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.