AP
AP

Militantes invadem tribunal afegão e matam mais de 50 durante julgamento

Integrantes do Taleban, que reivindicou a autorida do ataque, eram julgados; nove insurgentes morreram

estadão.com.br,

03 de abril de 2013 | 09h06

CABUL - Militantes invadiram um tribunal no Afeganistão onde insurgentes do Taleban eram julgados nesta quarta-feira, 3, deixando mais de 50 pessoas mortas e outras feridas, disseram autoridades. De acordo com a AP, pelo menos 53 pessoas morreram, incluindo nove militantes e dez seguranças.

Pelo menos um dos agressores se explodiu e um tiroteio entre as forças de segurança afegãs e um insurgente escondido dentro da corte ocorreu na capital da província de Farah, perto da fronteira iraniana, disse o vice-governador provincial Mohammad Younis Rasouli. "Eles invadiram o tribunal em meio a um julgamento sendo realizado para condenar 10 combatentes do Taleban", disse ele à Reuters.

O Taleban reivindicou a responsabilidade pelo ataque em uma mensagem de texto enviada à mídia, disse o porta-voz Qari Yousuf Ahmadi, acrescentando que os insurgentes que eram julgados foram libertados no ataque.

As preocupações estão aumentando sobre como as forças de segurança afegãs, com 350 mil integrantes, irão lidar com a violência quando as tropas lideradas pela Otan se retirem até o final do próximo ano.

Com informações da AP e da Reuters

Tudo o que sabemos sobre:
AfeganistãoTaleban

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.