Míssil mata 2 militantes em Gaza; Israel nega envolvimento

Um ataque aéreo israelense matou dois militantes palestinos na Faixa de Gaza, disse a facção a que eles pertenciam, mas Israel negou envolvimento na ação.

REUTERS

19 de março de 2009 | 08h09

O grupo Brigadas dos Mártires de Al-Aqsa disse que dois de seus homens morreram após o ataque com um míssil no centro de Gaza, perto da cerca na fronteira com Israel. As brigadas são um braço armado do movimento Fatah, do presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas.

Um porta-voz das forças armadas de Israel, no entanto, disse: "Não houve ataque de nenhum tipo do nosso lado".

Israel promoveu uma ofensiva de três semanas contra o território, governado pelo Hamas, em janeiro. A violência através da fronteira continua, de forma mais esporádica, desde então.

(Reportagem de Nidal al-Mugharabi)

Tudo o que sabemos sobre:
ORMEDISRAELMISSIL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.