Nicolas Sarkozy chega ao Iraque em visita surpresa

É a primeira vez que presidente francês vai ao país desde que foi eleito; ele deve se reunir com Nouri al-Maliki

Efe,

10 de fevereiro de 2009 | 05h34

O presidente da França, Nicolas Sarkozy, chegou nesta terça-feira, 10, ao Iraque em uma visita surpresa, sua primeira ao país desde que foi eleito em maio de 2007. Sarkozy foi recebido no aeroporto pelo presidente iraquiano, Jalal Talabani, e espera-se que ele se reúna com o primeiro-ministro Nouri al-Maliki. A visita do presidente francês reflete o interesse da França em reforçar as relações com o Iraque, país que o apoiou militarmente durante o conflito com o Irã, entre 1980 e 1988. Em 2003, durante a Presidência de Jacques Chirac (1995-2007), a França foi um dos principais opositores à invasão americana ao Iraque e se negou a enviar tropas. A visita do líder francês acontece dentro de uma viagem regional que o levará também a Omã, Barein e Kuwait. A viagem de Sarkozy, na qual está acompanhado pelo chanceler, Bernard Kouchner e o ministro da Defesa, Hervé Morin, tem como objetivo reforçar as relações bilaterais com alguns Estados árabes do Golfo Pérsico.

Tudo o que sabemos sobre:
IraqueFrançaNicolas Sarkozy

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.