Novo grupo de autoridades do regime de Kadafi chega ao Níger

Segundo fontes do setor de segurança do país, quatro altos oficiais líbios estão no comboio

REUTERS

09 Setembro 2011 | 08h04

AGADEZ - Um novo grupo de autoridades do regime do ex-líder líbio Muamar Kadafi, com 14 pessoas, chegou à cidade de Agadez, no norte do Níger, disseram à Reuters nesta sexta-feira, 9, fontes do setor de segurança do país.

 

Veja também:
forum OPINE: 
Onde se esconde Kadafi?
especialESPECIAL: Quatro décadas de ditadura na Líbia
lista ARQUIVO: ‘Os líbios deveriam chorar’, dizia Kadafi

 

 
Entre eles está o general Ali Kana, um tuaregue que era um dos guardas mais próximos de Kadafi e estava encarregado das tropas no sul da Líbia.

Duas fontes disseram que no grupo estão quatro altas autoridades, incluindo outros dois generais, cuja identidade não foi revelada.

Um repórter da Reuters em Agadez informou que os quatro estão hospedados em um hotel de propriedade de Kadafi.Segundo uma das fontes, o grupo chegou na quinta-feira à noite, acompanhado de forças de segurança do Níger,

Representantes do governo do Níger não estavam disponíveis na manhã desta sexta-feira para comentar o assunto.

O país vem dizendo que autorizou a entrada de líbios em seu território por razões humanitárias. No entanto, o governo do Níger está sob pressão da comunidade internacional para entregar autoridades do governo Kadafi acusadas de violações dos direitos humanos.

Mais conteúdo sobre:
LIBIAGADAFINIGER*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.