Otan diz que encerrará missão na Líbia em 90 dias

Madato atual da aliança venceria em 27 de setembro; comando diz estar confiante com operação

REUTERS

22 Setembro 2011 | 07h46

BRUXELAS - A Otan disse nesta quinta-feira, 22, estar confiante de que concluiria a missão na Líbia dentro de um novo prazo de 90 dias estipulado nesta semana.

 

Veja também:
forum OPINE: 
Onde se esconde Kadafi?
especialESPECIAL: Quatro décadas de ditadura na Líbia
lista ARQUIVO: ‘Os líbios deveriam chorar’, dizia Kadafi

 

"Estou altamente confiante de que conseguiremos completar essa missão dentro dos limites oferecidos pela Otan", disse o tenente Charles Bouchard, comandante da operação da Otan na Líbia, em coletiva de imprensa.

Bouchard disse que a missão da Otan continuaria enquanto houvesse ameaça aos civis no país.

Os Estados-membro da Otan concordaram na quarta-feira em estender o mandato atual da aliança, que iria vencer em 27 de setembro, em mais 90 dias. Foi a segunda prorrogação da missão na Líbia, sobre a qual a Otan assumiu total comando em 31 de março.

Mais conteúdo sobre:
LIBIA OTAN PRAZO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.