Otan mata quatro supostos talibãs em combate no Afeganistão

Um dos soldados afegãos foi ferido no ataque

EFE,

23 de setembro de 2007 | 07h05

Quatro supostos insurgentes afegãos morreram e 12 ficaram feridos em um combate no distrito de Sarkani, na província de Kunar, fronteira com o Paquistão, informou neste domingo, 23, a força internacional Isaf. Os enfrentamentos seguiram um ataque prévio de 30 homens contra uma base do Exército afegão, que pediu e recebeu o apoio de helicópteros da Força de Assistência para a Segurança (Isaf). Um dos soldados afegãos foi ferido no ataque. A Isaf acrescentou que tenta determinar o "status oficial" dos atacantes. Segundo os primeiros relatórios, podem se tratar de seguranças de empreiteiras vestidos à paisana e transportando armas. De acordo com o comunicado, soldados estrangeiros e afegãos responderam ao ataque de mísseis com fogo de artilharia, antes da intervenção dos helicópteros contra o alvo. Quatro dos atacantes morreram e 12 ficaram feridos. Quatro deles recebendo assistência médica em instalações da própria Isaf e os outro oito, com lesões leves, foram entregues às autoridades locais. No nordeste do Afeganistão estão destacadas fundamentalmente tropas norte-americanas da Isaf, subordinada à Otan. Só neste ano, mais de 4.000 pessoas morreram por causa da violência no Afeganistão.

Tudo o que sabemos sobre:
ataqueinsurgentesferidosmata

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.