Portos da Líbia são fechados após violência em protestos--fonte

As operações nos portos de carga da Líbia foram suspensas em decorrência da violência no país, disseram fontes do setor de navegação nesta terça-feira.

REUTERS

22 de fevereiro de 2011 | 11h49

Fontes informaram que as operações nos portos no Mediterrâneo de Benghazi, Trípoli e Misurata foram fechadas.

"Nossa gerência na Itália nos disse esta manhã que os portos de Trípoli, Benghazi e Misurata estão todos fechados", disse John Bader, diretor dos agentes britânicos da companhia italiana de transporte marítimo Tarros Spa.

"Não estamos propondo enviar navios para lá até o momento que a gente ouça que a situação foi resolvida", disse à Reuters.

Centenas de manifestantes que protestam contra o governo do líder líbio, Muammar Gaddafi, morreram na capital Trípoli e em outras cidades em confrontos com as forças de segurança, de acordo com testemunhas e grupos de direitos humanos.

(Reportagem de Jonathan Saul)

Tudo o que sabemos sobre:
LIBIAPORTOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.