Premiê palestino sofre ataque cardíaco nos EUA

O primeiro-ministro palestino, Salam Fayyad, sofreu um ataque cardíaco enquanto visitava os Estados Unidos, e uma porta-voz do hospital disse que sua condição de saúde era boa na segunda-feira.

REUTERS

23 de maio de 2011 | 19h26

"O estado do senhor Fayyad é bom", disse Adrienne Lallo, porta-voz do Seton Medical Center, em Austin, no Texas.

Fayyad, um ex-economista do Banco Mundial respeitado internacionalmente e nascido em 1952, participava da formatura universitária de seu filho em Austin quando "sentiu uma forte dor" no domingo, afirmou à Reuters o porta-voz Ghassan Khatib, de Ramallah.

O futuro de Fayyad como primeiro-ministro está em dúvida, depois do acordo de reconciliação neste mês entre a facção Fatah, que governa a Cisjordânia, e o grupo islâmico Hamas, que controla a Faixa de Gaza.

Khatib disse que Fayyad passou por um cateterismo na segunda-feira.

(Reportagem adicional de Ali Sawafta, Anna Driver, Kristen Hays e Arshad Mohammed)

Tudo o que sabemos sobre:
ORMEDPREMIESAUDE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.