Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Premiê turco deixa fórum em Davos após discussão sobre Gaza

Recep Tayyip Erdogan irritou-se após ser cortado em debate em que Shimon Peres defendia operação de Israel

Associated Press,

29 de janeiro de 2009 | 17h08

O primeiro-ministro da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, deixou o palco do Fórum Econômico Mundial em Davos nesta quinta-feira, 29, após discutir com o presidente de Israel, Shimon Peres, em um debate sobre o conflito na Faixa de Gaza. Erdogan irritou-se após ser cortado por um moderador depois de ouvir uma declaração de Peres defendendo a ofensiva na região.     O primeiro-ministro turco declarou: "você está matando pessoas". O líder israelense respondeu dizendo que Erdogan faria o mesmo se foguetes estivessem sendo lançados contra Istambul, capital turca. O presidente israelense, ainda falando bem alto, também negou as acusações de que Israel impediu a entrada de ajuda humanitária em Gaza durante a ofensiva, já que, segundo disse, ele mesmo "supervisionava todos os dias a lista de necessidades."   O premiê prometeu não retornar ao fórum. Mais cedo, Erdogan disse em Davos que o novo presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, precisa redefinir o que é o terror e o terrorismo no Oriente Médio, e usar essa redefinição como base para a política americana.   A Turquia teve um papel importante ao tentar mediar a paz entre Israel, a Síria e os palestinos. O enviado do governo Obama para o Oriente Médio, George Mitchell, estará na Turquia para conversas com Erdogan no domingo.

Tudo o que sabemos sobre:
IsraelTurquiaGaza

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.