Michael Sohn/Efe
Michael Sohn/Efe

Preocupada com assentamentos, UE convoca embaixador israelense

Israel avançou com planos de construir três mil casas de colonos em uma das áreas mais sensíveis da Cisjordânia ocupada

Reuters

05 de dezembro de 2012 | 18h13

BRUXELAS - A União Europeia convocou o embaixador israelense para discutir as preocupações do bloco com os planos de Israel de expandir seus assentamentos na Cisjordânia, disse uma porta-voz de Relações Exteriores da UE nesta quarta-feira, 5.

"O embaixador de Israel foi convidado pelo secretário executivo geral do serviço europeu de ação externa para um encontro para demonstrarmos nossas preocupações", afirmou Maja Kocijancic. O secretário executivo geral, diplomata responsável pela política externa da UE sob chefia de Catherine Ashton, é Pierre Vimont, ex-embaixador da França em Washington, nos Estados Unidos.

Vários países da UE já chamaram embaixadores israelenses para consultas, mas os Estados da UE têm tido dificuldades para chegar a um acordo sobre uma resposta comum para os planos de expansão de assentamentos. A porta-voz disse que a reação da UE aos novos planos de Israel vai depender de até que ponto eles ameaçam a criação de um Estado Palestino no futuro.

Israel avançou nesta quarta-feira com os planos para construir cerca de três mil casas de colonos em uma das áreas mais sensíveis da Cisjordânia ocupada, desafiando os protestos internacionais.

A União Europeia tem repetidamente se manifestado contra os assentamentos israelenses em terras que os palestinos querem para seu Estado. Ashton disse no domingo que estava "extremamente preocupada" com os planos de Israel.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.