Presidente do Iraque será transferido a hospital alemão

Jalal Talabani sofreu um AVC no começo da semana

AE, Agência Estado

19 de dezembro de 2012 | 14h01

BAGDÁ - O presidente do Iraque, Jalal Talabani, que sofreu um acidente vascular cerebral na noite de segunda-feira, será internado em um hospital na Alemanha, disseram dois funcionários curdos nesta quarta-feira. Médicos alemães que chegaram a Bagdá na manhã de hoje recomendaram que Talabani, de 79 anos, seja enviado a um hospital alemão. Médicos iraquianos que tratam Talabani em Bagdá disseram que a condição de saúde do paciente é estável e apresentava leve melhora, mas não deram detalhes sobre a doença que atinge o presidente iraquiano, que é da minoria curda.

A doença do presidente levanta novas preocupações sobre a estabilidade no país, que registra uma nova onda de tensões entre o governo central, comandado pelos árabes xiitas, e os curdos.

Firad Rawndouzi, membro do Partido União Patriótica do Curdistão, de Talabani, disse que a equipe de médicos alemães recomendou que o presidente seja enviado à Alemanha, possivelmente já na quinta-feira. O chefe da assessoria de imprensa de Talabani, Barazan Othman, disse que a transferência para um hospital alemão está em curso. "É muito provável que o presidente viaje amanhã, no máximo na sexta-feira, à Alemanha para completar o tratamento", disse Othman. "A situação de saúde do presidente melhorou e ele atravessou o estágio mais crítico".

Antes de sofrer o derrame, Talabani estava acima do peso e passou por cirurgias nos últimos anos, incluída uma operação cardíaca em 2008. Embora os poderes de Talabani sejam limitados em comparação ao do primeiro-ministro do Iraque, Nouri al-Maliki, ele é visto como uma figura unificadora no país, acima das divisões étnicas e sectárias que existem no Iraque.

As informações são da Dow Jones e da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
IraqueJalal TalabanicurdosCurdistão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.