Rebeldes curdos matam dois soldados turcos

Outros dois ficaram feridos durante ataque na Turquia, região fronteiriça com o Iraque

Efe

28 de abril de 2010 | 05h46

Rebeldes curdos mataram dois soldados turcos em conflito na província de Hakkari, sudeste da Turquia, informou o site do Estado-Maior do país. Outros dois ficaram feridos.

 

Em comunicado, a fonte militar disse que um grupo de rebeldes curdos abriu fogo na noite desta terça-feira contra forças militares em uma zona montanhosa de Semdinli, uma localidade de Hakkari, na fronteira com o Iraque, e um soldado ficou morto.

 

Um sargento, que foi internado junto a outros dois soldados feridos no mesmo ataque em um hospital militar de Hakkari, morreu pouco depois.

 

Os ataques por ativistas do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), que é ilegal, aumentaram nas últimas semanas, com a chegada de condições meteorológicas mais amenas na zona fronteiriça com o Iraque, país de onde o grupo terrorista ameaçou intensificar a luta contra a Turquia.

Tudo o que sabemos sobre:
Turquiarebeldescurdos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.