Rebeldes líbios afirmam que 36 morreram em Misrata desde sábado

Pelo menos 36 pessoas foram mortas em ataques na cidade de Misrata por forças leais ao líder Muammar Gaddafi desde sábado, disse um porta-voz rebelde.

REUTERS

24 de abril de 2011 | 12h56

Segundo ele, oito pessoas foram mortas em bombardeios no domingo e 28 no sábado. Mais de 100 ficaram feridas durante o mesmo período, afirmou o porta-voz Safieddin.

"As brigadas de Gaddafi, usando foguetes Grad, fizeram bombardeios aleatórios no domingo. Eles alvejaram diversas áreas aqui. São oito mártires. Trinta e quatro pessoas também ficaram feridas", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
LIBIAMORTOSMISRATA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.